Abastecer com álcool segue vantajoso em Mato Grosso

18 de novembro de 2010 - 10:15 | Postado por:

O álcool combustível (etanol) começou a pesar mais nos bolsos dos consumidores rondonopolitanos. O pior é que, nos próximos meses, a tendência é de alta para esse combustível, tendo em vista a quebra da produção de cana-de-açúcar devido à seca e a antecipação do período de entressafra nas regiões produtoras. Mesmo com a alta registrada neste fim de semana passado, continua sendo vantajoso abastecer com etanol para os proprietários de veículos bicombustível ou flex na cidade.

Com o reajuste, as contas são de que o etanol passou a custar em torno de 63% do preço da gasolina na cidade. O preço médio do litro do etanol em Rondonópolis saía a R$ 1,61, conforme levantamento da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Após o reajuste, o preço médio do etanol na cidade passou para R$ 1,81/litro, subindo em média R$ 0,20. O álcool precisa custar menos de 70% do preço da gasolina para o motorista ter vantagem financeira. O preço médio da gasolina na cidade é de R$ 2,86/litro.

A partir de análises de mercado, os consumidores devem esperar por novas altas. Em São Paulo, maior produtor de cana do país, algumas usinas já encerraram a safra em pleno mês de outubro. Além da quebra de safra por causa da seca e da antecipação da entressafra, a alta nos preços do açúcar tem refletido no preço do álcool etanol. Os fornecedores estão preferindo investir no açúcar, já que está dando mais lucro em função dos atuais preços.

Na região central, a maioria dos postos pratica preços entre R$ 1,82 e R$ 1,88 para o etanol (o litro). Quem andar mais, vai encontrar preços mais em conta. Em postos junto às rodovias federais que cortam a cidade, é possível encontrar esse combustível até por R$ 1,67 o litro. Quanto à gasolina, não houve reajuste na cidade. O litro do combustível (gasolina) mais em conta sai até por R$ 2,67 em postos nas BRs.

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo