Advogados esperam acordo com ex ou decisao judicial para liberar Tuta

6 de abril de 2012 - 14:54 | Postado por:

Os advogados do atacante Tuta trabalham em duas frentes para liberar o jogador da cadeia ainda nesta sexta-feira. Enquanto aguardam uma resposta da Justiça sobre o pedido de habeas corpus, eles costuram um acordo com a ex-mulher do atleta. Tuta está preso em Casa Branca desde a tarde de quinta por falta de pagamento de pensão alimentícia.

– Em um primeiro momento, ela (ex-mulher) se mostrou disposta a fazer o acordo, mas agora não estamos conseguindo mais contato. Então, também tomamos as medidas judiciárias cabíveis para conseguir a liberação – afirmou Fábio Luiz de Oliveira, um dos advogados da equipe de Gislaine Nunes, representante do atacante.

A equipe, aliás, está dividida. Um grupo está em Birigui, à procura da ex-mulher, enquanto que outro, incluindo Oliveira, está acompanhando o caso do Palácio da Justiça, em São Paulo, onde espera uma decisão sobre o pedido de habeas corpus.

O processo corre na 2ª Vara da Família de Birigui. O Fórum da cidade, contudo, está fechado desde esta quinta-feira, por conta do feriado. A alternativa dos advogados do atleta, então, foi recorrer ao Tribunal de Justiça de São Paulo, que mantém juízes de plantão. A prisão cível tem validade de até 30 dias.

Com passagens por Palmeiras, Fluminense, Grêmio, Flamengo e outros grandes clubes do futebol brasileiro, Tuta defende atualmente o União Barbarense, da Série A2 do Paulista. Mesmo se for liberado nesta sexta, ele já está descartado pelo clube para a estreia na segunda fase da competição, sábado, contra o Atlético Sorocaba, em casa.

– Ele não tem condições psicológicas para jogar. E também, por conta da situação, não treinou com o time. A comissão técnica já o deixou de fora dos planos para este sábado – disse Edivaldo Souza, diretor financeiro do União Barbarense.
 

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo