Após maratona de folia, R10 deixa Sapucaí 4h30m antes do treino

7 de março de 2011 - 12:39 | Postado por:

Eram 6h30m da manhã de segunda-feira quando Ronaldinho Gaúcho deixou a Sapucaí, no Rio de Janeiro. Exatamente quatro horas e meia antes do início dos treinos do Rubro-Negro no Ninho do Urubu. Desta vez, puxando o bonde do sem sono, o astro do Flamengo não parecia preocupado com nada além de mostrar samba no pé e letra na ponta da língua.

ronaldinho gaúcho monarco desfile  portela    (Foto: Pablo Jacob /Globo)Ronaldinho Gaúcho desfila com a Velha Guarda da Portela (Foto: Pablo Jacob /Globo)

Quando não estava cantando as músicas da Portela e da Mangueira, Ronaldinho preferia o silêncio. Mas se divertiu. Em seu último ato na Sapucaí, esbarrou em Dona Teresinha Paiva, diretora da Verde e Rosa, que perguntou a ele se havia gostado da experiência.

– Muito – respondeu o craque, que para a imprensa se limitou a balançar positivamente a cabeça quando questionado se estava realizando um sonho.

A animada e intensa noite do astro do Flamengo começou por volta das 22h, quando se preparava para fazer sua estreia no Carnaval de 2011. O esquenta foi no camarote da Prefeitura do Rio de Janeiro, onde foi flagrado, animado, fazendo um trenzinho com várias mulheres. Logo depois, era hora de enfrentar o batalhão de jornalistas que aguardavam sua chegada na avenida. O jogador entrou de terno azul e branco (cores da agremiação de Madureira), ao lado da diretoria da escola de samba e da Velha Guarda, que parecia assustada com o enorme assédio ao camisa 10.

ronaldinho gaúcho flamengo mangueira sapucaí (Foto: Celso Pupo / Agência Estado)R10 também desfilou pela Mangueira
(Foto: Celso Pupo / Agência Estado)

Escoltado por grandes nomes de diferentes gerações do samba, como Paulinho da Viola e Dudu Nobre, e por dezenas de seguranças, Ronaldinho teve dificuldades até para andar e ficou um pouco assustado. Aos poucos, no entanto, soltou-se e levou os foliões à loucura na arquibancada. Por onde passava, era saudado pelo público aos gritos de “Ronaldinho” e “Mengo”.

Ao fim de sua participação no desfile, deixou a pista da mesma maneira que entrou: sem dar entrevistas. Minutos antes de o desfile começar, o craque rubro-negro havia prometido falar quando saísse do local, mas o cerco da imprensa e também de fãs foi tão grande que o jogador teve de se retirar direto para o camarote da Prefeitura, saindo às 3h05m para outro camarote.

Uma hora depois, Ronaldinho surpreendeu ao aparecer de volta na avenida acompanhado por um copo preto. Vestido com um smoking branco e gravata borboleta rosa, foi a atração de última hora da Mangueira na madrugada, encerrando o primeiro dia de desfile das escolas de samba do carnaval carioca no meio da aplaudida bateria mangueirense.

saiba mais

E o dia começa logo cedo para Ronaldinho. Ele tem treino com o restante do elenco do Flamengo, às 11h, no Ninho do Urubu. A atividade foi marcada para a parte da manhã pelo técnico Vanderlei Luxemburgo justamente para não coincidir com a próxima atração do jogador nesta segunda-feira: o bloco Samba, Amor e Paixão, organizado pelo craque, que sai às 15h, na orla da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. E à noite tem mais. Se aguentar, R10 desfilará pela Grande Rio, quarta escola de samba no segundo dia de desfile na Sapucaí.

ronaldinho gaúcho sambando (Foto: Pedro Kirilos/Globo)

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo