Com 10 anos de atuação, Odebrecht Agroindustrial muda de nome e ratifica sua estratégia de investimento de longo prazo no setor

12 de dezembro de 2017 - 18:20 | Postado por:

Com o objetivo de renovar seu compromisso com a construção de um futuro sustentável, a Odebrecht Agroindustrial anuncia a mudança de sua marca para Atvos. O novo posicionamento está em linha com o planejamento da empresa para os próximos anos, que contempla a necessidade de novos investimentos para fazer frente ao crescimento e aos novos desafios do setor sucroenergético.

“O mundo vive um cenário de muitas oportunidades relacionadas à matriz energética limpa e à economia de baixo carbono, o que aumenta o protagonismo do Brasil e da cadeia produtiva nacional. Sabemos da nossa responsabilidade de potencializar o biocombustível e, consequentemente, o desenvolvimento sustentável. Temos que nos preparar para estes desafios”, explica Luiz de Mendonça, presidente da Atvos.

Em 2017, a empresa completou 10 anos de uma atuação voltada para o desenvolvimento das comunidades, produção de energia limpa e geração de mais de 11 mil empregos diretos e 30 mil indiretos em quatro estados brasileiros (Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e São Paulo). “Surgimos com o propósito de participar da transformação do setor sucroenergético. Amadurecemos, crescemos operacionalmente e tivemos avanços empresariais significativos. Temos orgulho de contar com algumas das maiores e mais modernas unidades produtivas do setor. Agora, precisamos criar novos caminhos para darmos um novo salto”, acrescenta o executivo.

A Atvos tem capacidade de moagem de 36 milhões de toneladas de cana, suficientes para a produção de 3 bilhões de litros de etanol, 700 mil toneladas de açúcar e a cogeração de 3,1 mil GWh de energia elétrica por safra. Desde o início das suas atividades, investiu mais de R$ 12 bilhões e desempenha um importante papel nas regiões onde atua. De acordo com Mendonça, a forte presença no desenvolvimento dos municípios e geração de emprego são legados que continuarão mantidos. “Renovamos nosso compromisso com as comunidades onde estamos inseridos e com a produção de energia limpa para o Brasil e para o mundo”, afirma.

Os programas de capacitação da empresa já atingiram mais de 5 milhões de horas, 520 mil participações e investimento superior a R$ 80 milhões. Já o Energia Social, programa da Atvos que aplica recursos em atividades socioambientais, já beneficiou diretamente mais de 150 mil pessoas em 74 projetos nas áreas de educação, cultura, atividades produtivas, saúde, segurança e preservação ambiental.

 

Sobre a nova marca

Para construir o novo conceito, a empresa realizou um estudo profundo de como era vista por seus stakeholders e como eles a projetavam no futuro. “Um setor apontado como uma das grandes tendências energéticas do mundo pede uma marca atual e contemporânea. Atvos é a soma de uma nova atitude e atmosfera, reflexo da capacidade de realização dos nossos integrantes e da sustentabilidade do nosso negócio”, pontua Mendonça.

Segundo ele, a construção de um amanhã mais limpo, soma de atitudes, pluralidade e energia são alguns atributos levados em consideração nesta construção do nome. “A cor laranja é enérgica e vibrante, assim como as pessoas que constroem nossa empresa”, finaliza.

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo