Conselho de Ética do Senado ouvirá Cachoeira e Demóstenes no final do mês

10 de maio de 2012 - 11:38 | Postado por:

O Conselho de Ética do Senado definiu nesta quinta-feira (10) as datas dos depoimentos de defesa e de acusação no processo que investiga as relações do senador Demóstenes Torres (ex-DEM-GO) com Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira –preso desde fevereiro por um esquema de jogos ilegais e outros crimes.

Demóstenes será ouvido no dia 28, às 18h, enquanto Cachoeira é esperado a depor no dia 23, às 14h.

Os primeiros depoimentos serão no dia 15, às 9h, quando irão falar os delegados da Polícia Federal Raul Sousa (integrante da Operação Vegas) e Matheus Mella Rodrigues (da Operação Monte Carlo). As duas operações investigaram o suposto esquema de Cachoeira e sua relação com parlamentares e agentes públicos.

No segundo dia, 16, às 14h, falarão os procuradores da República responsáveis pela Operação Monte Carlo, Daniel de Rezende Salgado e Lea Batista de Oliveira. No dia 22, às 9h, é a vez do advogado Ruy Cruvinel prestar esclarecimento.

Os senadores que compõem o Conselho de Ética aprovaram na última terça-feira (8), por unanimidade, o parecer do relator Humberto Costa (PT-PE), que pediu a abertura de processo disciplinar contra Demóstenes. A abertura do processo é o primeiro passo para um pedido de cassação. Após apresentação do relatório final –que ainda não tem prazo–, o senador pode ser punido com uma simples advertência ou até com a perda do mandato.

Em depoimento secreto à CPI mista (Comissão Parlamentar Mista de Inquérito) que investiga as relações de Cachoeira com políticos e empresários, o delegado Alexandre Souza, da Polícia Federal, indicou que o senador Demóstenes Torres estava no topo da organização.

 

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo