Já desfiliado do PSL, vice em Rondonópolis diz que Selma não tem habilidade política

11 de setembro de 2018 - 14:21 | Postado por:

O vice-prefeito de Rondonópolis Ubaldo Barros, que trocou o PTB pelo PSL, mas deixou a sigla do presidenciável Jair Bolsonaro ainda no período pré-eleitoral, não esconde o descontentamento com a candidata ao Senado do partido Selma Arruda. Em sua opinião, a juíza aposentada não entende nada de política e deve ser derrotada nas urnas.

Ubaldo revela que o estopim da crise no PSL foi a visita da ex-reitora da UFMT Maria Lúcia Cavalli Neder (PCdoB), que também disputa o Senado, à Vice-Prefeitura de Rondonópolis. Com isso, a então correligionária ameaçou pedir sua expulsão do partido.

“Minha razão de estar descontente era porque não queria votar no [Pedro] Taques. Votei duas vezes e não voto mais. Quando entrei no PSL tinha um projeto, mas entrou aquela tal de Selma e ela ficou meio chateada porque a ex-reitora me visitou na Vice-Prefeitura e ameaçou me expulsar. Antes que me expulsasse, eu resolvi sair. Já que vão apoiar o Taques, não quero criar nenhum constrangimento. Então, achei melhor sair”, disse Ubaldo ao .

Reprodução/Facebook
Ubaldo Barros

Vice-prefeito de Rondonópolis, Ubaldo Barros, durante entrevista a emissora local de TV

Além disso, Ubaldo  lembra que seu primeiro voto ao Senado é de Maria Lúcia. Isso porque a comunista foi sua professora e depois colega na UFMT, onde ele também lecionou.

Sobre a inabilidade política de Selma, Ubaldo sustenta que a realidade comprova sua impressão. Para ele, a juíza aposentada é fraca politicamente e nada agrega ao cenário eleitoral.

“E a realidade mostra que eu estava certo. Selma não sabe nada de política, é muito fraca. Não tem jogo de cintura, não tem nada”, completou o vice-prefeito.

Neste caso, Ubaldo se refere à ruptura de Selma com Taques e com seu companheiro de chapa ao Senado Nilson Leitão por conta da distribuição desigual do tempo de rádio e TV da coligação “Segue em Frente Mato Grosso”. Apesar de ter colhido depoimentos neste sentido quando estava à frente da 7ª Vara Criminal, também usou como pretexto a citação dos ex-aliados em delações premiadas sobre suposto esquema de corrupção na secretaria estadual de Educação (Seduc).

http://www.rdnews.com.br/eleicoes-2018/ja-desfiliado-do-psl-vice-em-rondonopolis-diz-que-selma-nao-tem-habilidade-politica/105008

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo