No México, Timão desafia 100% do Cruz Azul, maior rival na primeira fase

14 de março de 2012 - 11:26 | Postado por:

O Corinthians tem nesta quarta-feira seu primeiro grande desafio no caminho para tentar conquistar a Taça Libertadores. Logo após a conturbada saída do atacante Adriano, grande esperança do clube para o torneio, o Timão tenta abafar a crise vencendo o Cruz Azul, nesta quarta-feira, às 22 (horário de Brasília), na Cidade do México. A equipe mexicana lidera o Grupo 6 com 100%. É o principal adversário corintiano na batalha pela ponta na classificação.

A partida é encarada como uma decisão pelos corintianos. Com dois pontos abaixo dos mexicanos, Tite e os jogadores reconhecem que uma derrota no estádio Azul complicaria o desejo de avançar à segunda fase na liderança. Um empate agrada aos alvinegros, principalmente porque os clubes voltarão a duelar na próxima quarta, no Pacaembu.

O Timão, aliás, chega à partida alheio aos problemas entre a diretoria e o centroavante Adriano. O jogador rescindiu o contrato na segunda-feira à tarde, quando a delegação já estava no México. O grupo foi apenas comunicado pelo diretor adjunto de futebol Duílio Monteiro Alves e não se envolveu no caso. A notícia não pegou ninguém de surpresa e até aliviou alguns membros da comissão técnica.

O Cruz Azul tenta fazer valer o fator casa. “La Máquina”, como é chamado, venceu os dois jogos que disputou até o momento e desponta com grandes chances de avançar à segunda fase. O retrospecto, porém, não é muito bom no Campeonato Mexicano. O time é apenas o nono colocado, tendo perdido para o Pumas por 2 a 1 na última rodada.

O equatoriano Carlos Vera apita a partida. Os auxiliares são os compatriotas Juan Cedeño e Douglas Bustamante. A Rede Globo transmite a partida para RS, PR, SP, GO, TO, MT, CE e PI, além das cidades de Ponta Porã-MS, Uberlândia-MG e Ituiutaba-MG. Você acompanha também, em Tempo Real, no GLOBOESPORTE.COM.

header as escalações 2

Cruz Azul: o técnico Enrique Meza tem duas dúvidas para escalar o Cruz Azul. O brasileiro Maranhão, ex-Bahia, pode ganhar uma chance, dando mais velocidade ao setor ofensivo. Vela também disputa a vaga. No ataque, o treinador não divulgou se escalará o veterano Omar Bravo ou o colombiano Perea, ex-Grêmio. A possível escalação é a seguinte: Corona, Flores, Domínguez, Pereira e Pinto; Castro, Gutiérrez, Giménez e Maranhão (Vela); Villa e Bravo (Perea).

Corinthians: depois de poupar todos os titulares contra o Guarani, o técnico Tite adiantou no último sábado que repetiria a formação que fez 2 a 0 sobre o Nacional-PAR, no Pacaembu. Com isso, o volante Edenílson continua improvisado como lateral-direito. Weldinho se recuperou de um problema muscular na coxa direita, mas ficará como opção no banco de reservas. O Timão começa a partida com: Julio Cesar, Edenílson, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Alex e Danilo; Jorge Henrique e Liedson.

quem esta fora (Foto: arte esporte)

Cruz Azul: Waldo Ponce (tornozelo esquerdo) e Gerrardo Torrado (problema muscular).

Corinthians: Alessandro (coxa esquerda), Wallace (tornozelo esquerdo) e Paulo André (joelho direito).

header fique de olho 2

Cruz Azul: Emanuel Villa é a grande arma do Cruz Azul. O centroavante argentino marcou seis gols no Campeonato Mexicano e desponta como o principal destaque do time na temporada. Com a altitude de 2.400m da Cidade do México, o time quer aproveitar a eficiência dele no jogo aéreo.

Corinthians: apesar da timidez e de não ter a adoração da torcida, o meia Danilo vem sendo decisivo para o Corinthians. Com muita frieza, o armador fez o gol que abriu caminho para a vitória sobre os paraguaios e se fixa a cada partida como uma das peças mais importantes no esquema do técnico Tite.

header o que eles disseram

Jair Pereira, zagueiro do Cruz Azul: “Já demos a volta por cima e nos preparamos para o Corinthians. Nossa equipe está animada para enfrentar esse rival e seguir com essa raça que temos no torneio”.

Tite, técnico do Corinthians : “É um jogo decisivo. Vamos enfrentar um adversário que tem um bom toque de bola, sempre priorizando a triangulação. Precisamos de dois bons resultados contra eles para encaminhar a nossa classificação”.

header números e curiosidades

*Corinthians e Cruz Azul já se enfrentaram duas vezes pela Libertadores . Em 2003, as duas equipes caíram no mesmo grupo e o Timão venceu por 1 a 0, no Pacaembu, gol de Liedson, e perdeu por 3 a 0 no México.

*O Corinthians disputa a Libertadores pela décima vez, sendo a primeira por três edições consecutivas. Em suas duas últimas participações, o Timão foi eliminado pelo Flamengo, nas oitavas de final, em 2010, e pelo Tolima-COL, na fase preliminar, em 2011.

*O Cruz Azul participa pela terceira vez da Taça Libertadores. Os mexicanos disputaram em 2001, sagrando-se vice-campeões após uma decisão com o Boca Juniors. Na oportunidade, a equipe perdeu o título nos pênaltis, após uma histórica vitória em La Bombonera por 1 a 0. Em 2003, o Cruz Azul alcançou as quartas de final da competição, quando foi eliminado pelo Santos.

*Fundado em 1927, o Cruz Azul pertence à fábrica de cimento do mesmo nome e era sediado na cidade de Hidalgo, até que se mudou para a Cidade do México, com a construção de uma nova fábrica. Oito vezes campeão mexicano, o clube não vence o torneio nacional há mais de 10 anos.

header último confronto v2

Cruz Azul e Corinthians se enfrentaram pela última vez no dia 26 de março de 2003, com vitória dos mexicanos por 3 a 0, gols de Campos, Cacho e Palencia. Apesar do revés, o Timão ainda conseguiu se classificar para a segunda fase da Libertadores.

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo