Suspeito de matar ex-mulher e atentar contra o namorado dela comete suicídio em Costa Rica

9 de julho de 2018 - 22:18 | Postado por:

Corpo de Otenevil foi encontrado em estrada que dá acesso à fazenda, sentido Figueirão

Otenevil Luiz Nogueira, de 50 anos, suspeito de ter matado a ex-mulher Irenice da Cruz, 50, e atentado contra a vida do atual namorado dela, identificado como Bruno, de 31 anos, cometeu suicídio no final da manhã desta segunda-feira (09). O corpo dele foi encontrado na estrada que dá acesso a uma fazenda localizada a cerca de 11 quilômetros de Costa Rica, sentido Figueirão, preso por corda a um galho, com ferimento de arma de fogo na lateral da cabeça.

A arma, um revólver calibre 32, foi encontrada ao lado dele, o que reforça a hipótese policial de que ele tenha tirado a própria vida. Segundo o delegado Alexandro Mendes de Araújo, titular da Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, após o crime ocorrido nesta madrugada, o Setor de Investigações Gerais (SIG) deu início aos trabalhos para localizar o suspeito que, segundo testemunhas, teria fugido em um carro Gol na cor vinho.

Por volta das 11 horas, a equipe policial foi informada que veículo semelhante havia sido encontrado na zona rural. “A Polícia Civil e o SIG se deslocaram imediatamente ao local e constataram que a cerca de 100 metros de distância do carro havia uma pessoa enforcada por corda amarrada a uma árvore. Ao nos aproximarmos, constatamos ser o suspeito”, disse o delegado, informando que o corpo do homem, que não tinha passagens pela polícia, foi encaminhado para exame necroscópico no Instituto Médico Legal de Paranaíba.

A polícia agora aguarda o resultado das provas técnicas e dos laudos da perícia criminal para concluir o inquérito e encaminhar o caso à justiça. “Infelizmente, mais uma tragédia envolvendo violência doméstica em Costa Rica. Temos duas famílias abaladas, sofrendo muito em razão destes atos de extrema violência”, pontuou o delegado. Ele afirmou que Otenevil foi casado por cerca de um ano e meio com Irenice e que estava separado há cerca de um ano dela. “Ele não aceitava o fim do relacionamento. Estava inconformado com isso”.

O Caso

Conforme noticiado mais cedo pelo MS Todo Dia,  Irenice foi morta a tiros por volta das 3 horas da madrugada desta segunda-feira, na Rua Cassiano Cândido Garcia, Bairro Vila Nunes, em Costa Rica. O principal suspeito era dado como o ex-marido dela, Otenevil Luiz Nogueira, 50, que fugiu após o crime.

Ele ainda tentou matar o atual namorado de Irenice, identificado apenas como Bruno, de 31 anos, mas arma falhou. Bruno relatou à polícia que estava na casa de Irenice, quando o autor chegou ao local com a arma e disse que iria matá-los.

Otenevil disparou aproximadamente quatro vezes contra a ex-mulher e em seguida tentou balear o namorado dela, mas a arma falhou. Bruno fugiu e acionou a Polícia Militar. A equipe composta pelo salá rádio Soldado Flávio, e o soldado Steffan Berger e pelo sargento Macedo esteve no local e encontrou a vítima sentada, com perfurações no peito e rosto.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas a mulher já estava morta. Os policiais fizeram rondas pelo local, mas não conseguiram encontrar o suspeito. A Polícia Civil registrou o caso como feminicídio, com relação ao crime contra Irenice, e tentativa de homicídio, devido à intenção do autor em matar também Bruno.

 

Fonte: MS Todo Dia

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo