Vice assume Prefeitura e denúncia também está sendo ameaçado de morte

29 de julho de 2011 - 12:42 | Postado por:

 

A cidade de  Novo Santo Antônio, 1.200 km da capital Cuiabá, já tem novo prefeito:  assumiu nesta quarta-feira, 27, o vice-prefeito Geraldo de Freitas, o Negão (PTB). O novo prefeito negou envolvimento na morte do prefeito Valdemir Antônio da Silva, o “Quatro Olhos”, que foi assassinado no último sábado 23. E mais: anunciou que também vem sendo ameaçado de morte. Não revelou, porém, de onde estariam partindo tais ameaças.

A posse de “Negão” aconteceu em solenidade na Câmara de Vereadores. O novo prefeito já se encontra na Prefeitura onde teve  reunião durante toda a manhã. A sede o Poder Executivo do município está trabalhando apenas em serviços  interno e só retoma o  atendimento na segunda-feira, dia 1.

“Negão” negou qualquer envolvimento com a morte de “Quatro Olhos”. Segundo ele,  sua ausência na cidade na noite de sábado, 23, dia em que Valdemir Antônio da Silva foi assassinado, se deve a um casamento ao qual estava participando na cidade de  Gurupi (TO), onde teria passado três dias. A ausência de “Negão” na cidade levantou suspeitas – especialmente porque ele e o prefeito morto estavam em conflito político e havia uma disputa pelo poder na cidade.

Geraldo de Freitas disse ainda que se sente amedrontado . De acordo com ele apenas dois  polícias cuidam da segurança de cerca de 4 mil pessoas no município. Negão se diz com medo de assumir a Prefeitura já que segundo ele também foi ameaçado de morte.
O novo gestor promete agora investir em saúde e educação. Ele informou, porém, que um dos maiores problemas da Prefeitura é o acumulo de dívidas.

Negão assumiu a Prefeitura quando “Quatro Olhos” foi afastado por decisão judicial, acusado de improbidade administrativa e de fomentar um suposto esquema de “mensalinho” aos vereadores para votação de projetos de interesse da Prefeitura.

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo