REU QUE MATOU VITIMA A PAULADAS PEGA 12 ANOS DE PRISÃO

4 de setembro de 2017 - 22:34 | Postado por:

O tribunal do Júri esteve reunido na tarde desta segunda (4), onde foi julgado o réu Adalberto Aparecido de Souza, (vulgo Raposa), que matou a golpes de madeira a vítima Claudione Rodrigues da Silva, enquanto este dormia.

O crime aconteceu no dia 22 de junho de 2016, pouco mais de meia noite, na Rua Jose Rodrigues no bairro 13 pontos em Alto Taquari.  Vítima e acusado trabalhavam em uma obra no centro da cidade, quando no dia anterior ao crime houve um a discussão entre ambos, o que ocasionou na demissão da vitima. Na mesma noite se encontraram no bar PONTO G e alí consumiram bebidas alcoólicas. Em seguida a vitima deslocou-se para a casa do acusado, uma vez que estava hospedado provisoriamente, pois havia se separado da esposa.

O acusado chegou em seguida em companhia de uma amigo, onde jantaram e continuaram bebendo cachaça, mas a vitima já estava dormindo, quando foi assassinado a pauladas. O amigo do acusado havia se retirado para sua residência, quando acusado foi ate a casa do amigo e confessou que havia cometido o crime e em seguida foi até a polícia e denunciou o crime. Diante dos fatos o corpo de jurado votou pela condenação do acusado, que foi sentenciado com 12 anos de prisão em regime fechado.

O júri foi presidido pelo Meritíssimo juiz de direito Dr. Pierro faria, representando o ministério público, esteve o promotor Dr. Marcelo Linhares

Deixe um comentário

© Copyright 2016 TV Taquari Rede Record. Política de Privacidade.
Desenvolvido por: Agência Camargo